Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 (64) 9 9994-9893

Encontre o que deseja

NO AR

PROGRAMA VAN DE OLIVEIRA

    Brasil

UFG mantém aulas enquanto 18 universidades federais entram em greve.

A UFG relatou que uma decisão judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região impede o Andes de realizar atividades sindicais em Goiás.

Publicada em 16/04/24 as 09:27h por TANOIBOPE / RÁDIO 87,9FM (MINEIROS-GO) - 16 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: dm.com.br)

A Universidade Federal de Goiás (UFG) mantém as aulas enquanto docentes de 18 universidades federais do país paralisaram as aulas nesta segunda-feira, 15. O Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes) informou que a proposta de reajuste salarial do Governo Federal foi rejeitada.

Em nota, a UFG informou que as decisões sobre eventuais greves ou paralisações dos professores das universidades federais em Goiás (UFG, UFJ e UFCat) são responsabilidade da própria categoria. Isso se deve ao fato de que o Sindicato dos Docentes das Universidades Federais de Goiás opera de forma independente e não como uma seção sindical.

A UFG relatou que uma decisão judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região impede o Andes de realizar atividades sindicais em Goiás. As assembleias para discutir essa questão estão marcadas para os dias 24, 25 e 30 de abril nas cidades de Catalão, Goiânia e Jataí, respectivamente.

A greve

A proposta do Governo Federal, que não incluiu reajuste salarial, propôs aumentar o auxílio alimentação e a assistência pré-escolar, além de elevar em 51% o plano de saúde suplementar dos docentes.

Entretanto, foi rejeitada por 34 seções sindicais. Os professores reivindicam um aumento de 22,71% dividido em três parcelas anuais a partir de 2024 e também discutem o aumento da carga horária de aulas e a implementação de controle de frequência.

O Ministério da Gestão comunicou que apresentou oficialmente sua proposta na última quinta-feira, 11, e prometeu estabelecer mesas de negociação para as carreiras solicitadas até julho, visando tratar demandas e formular acordos com os servidores.


Fonte: https://www.dm.com.br/cotidiano/ufg-mantem-aulas-enquanto-18-universidades-federais-entram-em-greve-146308



Da Redação TANOIBOPE/RADIO 87,9FM.

Acesse http://www.tanoibope.com.br (APERTE O PLAY E AUMENTE O VOLUME).

SIGA @fmradio87.9mineirosgo  @aleomarrezende

https://www.facebook.com/radio87mineiros







ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nosso Whatsapp

 (64) 9 9994-9893

Visitas: 564439 | Usuários Online: 2

CopyRight ® - Tanoibope Comunicação e Eventos – Seu Portal de Notícias RADIO WEB. - Todos os direitos reservados

Converse conosco pelo Whatsapp!